A história do Cine Segall começa em 1972, com um convênio entre o Museu e a Cinemateca Brasileira, em que o Museu cedia espaço para programação e armazenamento de películas. De lá para cá, tornou-se referência na cidade com uma programação de excelência. Em 2017 o Museu executou um projeto de modernização da sala que incluiu a instalação de projetor digital, som, nova tela e novos assentos. O cinema foi reaberto ao público em março de 2018.

No Museu há o Auditório Paulo Emílio Salles Gomes. Nesta imagem, de 1979, o público aguarda sessão de cinema. Hoje é um espaço para diversas atividades, como palestras, ciclos, seminários e também abriga o Cine Segall

Atualmente o cinema conta com 2 sessões diárias durante a semana e 3 aos sábados e domingos, incluindo a sessão das 3, que exibe mostras mensais de filmes clássicos. A cada mês um tema diferente é escolhido, com 4 ou 5 filmes selecionados, exibidos em alta resolução, oferecendo ao público um panorama de clássicos do cinema, contribuindo assim para a formação do olhar e a reflexão crítica sobre a cultura e a sociedade.

PROGRAMAÇÃO